Buscar
  • FacilitaMed - Gestão de Clínicas Médicas e Administração de Consultórios

Quando procurar um Psicólogo?

Quem nunca se deparou com a frase, “quem precisa de psicólogo é louco”? Pois bem, mesmo hoje, em pleno século 21, isso ainda é ouvido.


As estatísticas mostram que no Brasil, 20% da população apresenta algum transtorno emocional, sendo que os Transtornos de Ansiedade e de Depressão lideram essas estatísticas. Muitos não realizam o tratamento por desconhecimento, preconceito, falta de acesso e também por não apresentarem consciência da doença, impossibilitando a busca efetiva por ajuda.



Abaixo alguns pontos que podem ser esclarecedores quando procurar um psicólogo:


Sintomas físicos

O corpo fala, mas nem sempre conseguimos escutá-lo. São poucas as pessoas que tem consciência de que a causa do seu sintoma pode ser emocional. Buscar ajuda nesse momento é fundamental para fazer um diagnóstico que elimine as causas físicas.


Sensação de não pertencer a algum lugar

Algumas pessoas vivem com a sensação de não estarem encaixadas na sociedade. Como se tudo parecesse estranho, ou como se vivessem uma vida que não lhe pertencessem.


Quando os sintomas interferem no cotidiano

Uma dica é observar o quanto a sua vida diária modificou nos últimos tempos ou está limitada devido a alguns sintomas ou comportamentos. O indivíduo às vezes não percebe. Mas as pessoas de sua convivência observam e apontam algumas reações que podem aparecer de maneira direta ou indireta.


Dificuldades nos relacionamentos

Os relacionamentos algumas vezes deflagram a necessidade de buscar ajuda.


Vida que não segue após trauma ou perda

É natural que após algum trauma, mudança ou perda, a vida fique um pouco atrapalhada e que sintomas como tristeza, angústia, medo, dúvidas apareçam. Entretanto, é importante observar se tais sintomas se estendem por muito tempo.


Seja com os amigos, colegas de trabalho ou familiares – se você sente que seus relacionamentos estão desgastados, se você não consegue se expressar ou reconhecer suas emoções, ou se os seus relacionamentos lhe trazem infelicidade, o acompanhamento de um psicólogo pode ajudar a resgatar o vínculo esquecido ou a encontrar dentro de si mesmo os motivos para a situação.

2 visualizações0 comentário